[Receita] Como combinar churrasco de Picanha com Cachaça

Tempo de leitura: 2 minutos

Picanha, este nome te lembra o que, exatamente? Quem respondeu: churrasco, certamente está entre a esmagadora maioria das pessoas que vêm este corte apenas como carne para churrasco.

Embora seja um tipo de corte tipicamente brasileiro o nome Picanha deriva do nome Picatta, um corte italiano que vem de um instrumento de ferro que tinha um ferrão na ponta e servia para “picar” o boi na parte superior do lombo.

E com a adoção brasileira, porque não colocar uma outra iguaria lado a lado? Daí surgiu a combinação com a Cachaça.

Temos duas coisas a falar sobre esta carne, a primeira delas é que não necessariamente você precisa de brasa para deixá-la no magnífico ponto de consumo.

E a segunda, que talvez seja novidade para você, é que sua experiência poderá ser muito melhor quando você aprender a combinar a Picanha com uma boa Cachaça.

#Picanha com Cachaça, pode?

Foto: ciadapicanha.com.br

Até o final deste post, você saberá preparar uma Picanha (sem churrasqueira), e a Cachaça ideal para acompanhar esta carne.

#Quer melhorar sua experiência?

Para melhorar o seu conhecimento, sugerimos o livro que escrevemos após mais de um ano de pesquisa: “Os Segredos da Cachaça”, adquira e divirta-se:

#Veja a receita

Agora que você já conhece parte de nossos segredos, vamos a receita sugerida para hoje: Picanha no Sal Grosso.

#Você vai precisar:

2 kg de picanha
1 pacote de sal grosso para churrasco

#Veja como fazer

– Cubra o fundo de uma forma com metade do pacote de sal.
– Coloque a picanha em cima e o restante do sal sobre a picanha.
– Asse em forno médio por 50 minutos ou de acordo com seu gosto, mal passada, no ponto ou bem passada.
– Retire do forno e está pronto um delicioso churrasco feito sem churrasqueira.

Dica: Não se preocupe, pois a carne ficará com a quantidade de sal certa, nem muito e nem pouco, no ponto

#E a Cachaça para combinar?

A picanha é uma carne mais encorpada e para acompanha-la sugerimos a Cachaça envelhecida em tonéis da madeira Carvalho.

#Veja a diferença entre as Cachaças 

Mas atenção: nossa dica é que você busque uma Cachaça de linha premium, aquela que é a Cachaça que que contém 100% da bebida envelhecida por pelo menos 1 ano em tonéis de madeira com capacidade máxima de 700 litros.

Ou ainda uma Cachaça Extra Premium, a Cachaça com esta inscrição no rótulo deve ter permanecido de madeira com capacidade máxima de 700 litros, por um período não inferior a 3 anos.

No mercado há grandes sugestões com preços que começam com R$ 70,00. E para ter uma lista completa, veja nosso livro com as 100 melhores Cachaças do Brasil.